Queda de árvores em São Paulo e a falta de energia elétrica

 

A falta constante de energia elétrica é um dos transtornos que os paulistanos mais sofrem no verão. Negócios, lazer e serviços fundamentais prejudicados. Geralmente as primeiras acusadas são as árvores urbanas, que insistem em cair ou derrubar galhos sobre a fiação elétrica aérea dos postes.

Apodrecidas ou até mesmo ocas por ataques de pragas como cupins e fungos, muitas não resistem ao peso das tempestades e cedem. Mas o que é interessante é a causa mais comum disso.

Durante décadas, devido a eletrificação jurássica aplicada em São Paulo ser sobre postes, as árvores foram consideradas inimigas das empresas elétricas. Enterrar fios era considerado caro e secundário, um “embelezamento”.

A solução sempre passava por enormes podas para desviar os fios dos galhos e/ou formação de copas desequilibradas (árvore tendendo a cair para um lado).

Essas podas levam a um círculo vicioso – Quando um galho grande é cortado, na maioria das vezes a planta não consegue cicatrizar antes de ocorrer o apodrecimento da madeira e sua colonização por inimigos como cupins e fungos. Depois de algum tempo ela fica comprometida e cai em parte ou toda. O feitiço volta ao feiticeiro, já que cair sobre ruas infestadas de fios é o mais fácil.

E as que sobram ficam deformadas, dimuindo em muito sua capacidade de melhorar a qualidade de vida da cidade. Coisas de Brasil? Não necessariamente. No Rio de Janeiro grande parte das ruas são túneis verdes, com árvores de copa plena e belas e a fiação estabelecida onde se deve: embaixo da rua.

A calçada é do pedestre e da árvore.  

Emaranhado de fios elétricos cercando árvore urbana na cidade de São Paulo. Podas, desequilíbrio, quedas e falta de luz.

Poda inadequada levando ao apodrecimento de uma sibipiruna

Rua arborizada com fiação subterrânea na cidade do Rio de Janeiro. Copas bem formadas e serviços ambientais plenos para todos - e sem falta de luz.

Fios onde devem estar sem atrapalhar: embaixo da terra.

Ricardo Cardim

Sobre Ricardo Cardim

www.arvoresdesaopaulo.com.br
Esse post foi publicado em amigos das árvores de São Paulo, arborização urbana, quedas de árvores, tempestades de verão e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

9 respostas para Queda de árvores em São Paulo e a falta de energia elétrica

  1. Joel disse:

    Ricardo, bem legal esse artigo –

    fios elétricos áereos+podas+desequilíbrio+descaso governamental e privado = quedas de árvores – falta de luz e uma cidade bem pior!

    Abraços
    Joel

  2. Leda Lucas disse:

    Esclarecedor para quem sempre põe a culpa em alguém ou algo que, no fundo, é vítima.
    Abraço.
    Leda

  3. Lavinia disse:

    vergonha das nossas calçadas repletas de buracos e postes, espaço para as árvores (que realmente são importantes) minusculo, e geralmente fechado de cimento até o tronco das coitadas… não é de se estranhar que caiam!!! alô eletropaulo! alô prefeitura! chega de fios e transformadores sobre nossas cabeças e árvores.

  4. Carlito disse:

    excelente postagem, coloca devidamente os pingos nos “i” e mostra que é o vilão dessa história. Aliás por que será que a mídia nunca menciona o assunto??? Será um acordo secreto???

    Carlito

  5. Vera disse:

    Que tal entupir caixa postal do nosso “competente” prefeitinho com esse post? Quem sabe ele aprende alguma coisa.

  6. dalva disse:

    O homem vai destruindo a natureza, vai construindo erroneamente um simulacro de paraíso, e o resultado não demora a chegar, em forma de catástrofes como a que ora vitima o Rio de Janeiro e algumas cidades paulistas. A culpa é de quem? Da ânsia desenfreada pelo lucro imediato!

  7. Yara disse:

    Assinem ao abaixo-assinado, para não colocarem mais cimento nas bases das arvores e previnirmos acidentes. Dentre outras melhorias a nossa cidade.

    http://www.peticaopublica.com.br/pview.aspx?pi=BR69443

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s