Árvore grande x árvore pequena x fiação aérea

 

Arborização com árvore pequena - um resedá (Lagerstroemia indica)

Arborização com árvores grandes (Tipuana tipu)

Uma tendência que se repete em muitas cidades brasileiras é a preferência por árvores de porte pequeno ou até mesmo anãs na arborização urbana. Há ainda um pensamento corrente em muitos lugares que a árvore ideal para a malha urbana é a planta média e pequena, com menor possibilidade de interferência na fiação elétrica aérea e prejuízo em caso de quedas.

Seria um cuidado supostamente aceitável, se não fosse o cúmulo da falta de investimento o Brasil ser eletrificado há mais de um  século e ainda ter fiação áerea mesmo nas cidades mais ricas como São Paulo. Mas a questão principal é o fato de quanto maior a árvore e sua biomassa, mais e melhores serviços ambientais ela irá fornecer para toda a população.

Filtragem do ar, retenção de poeiras, barulhos, diminuição da temperatura urbana, umidificação do ar, minimização de enchentes e outros serviços são potencializados geralmente com o porte da árvore. Por isso árvores pequenas, podadas agressivamente e mudas representam apenas os benefícios ambientais de um galho de uma árvore grande adulta. Uma diferença e tanto.

Obviamente, sempre deve ser observada tecnicamente a compatibilidade do espaço a receber a árvore com o seu porte, espécie e origem. Mas se quisermos cidades sustentáveis e saudáveis precisamos de muitas árvores de copas grandes e amplas. As fotos acima mostram isso claramente.

Ricardo Cardim

 

Anúncios

Sobre Ricardo Cardim

www.arvoresdesaopaulo.com.br
Esse post foi publicado em amigos das árvores de São Paulo, arborização urbana, árvores, podas de árvores, ruas arborizadas e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

12 respostas para Árvore grande x árvore pequena x fiação aérea

  1. dalva disse:

    Os benefícios de uma árvore que dá sombra são notáveis. Só uma pessoa muito estúpida não vê isso.

  2. AMotta disse:

    Na minha calçada algum f.d.p da eletropaulo plantou nos anos 80 essas arvorezinhas, os resedás. é incrivel! elas não crescem mesmo, e diferente do resto da rua, sou um dos poucos com um sol infernal na casa, que fica para a face norte. gostei da sua iniciativa.

    vleu

    Airton

    • Ricardo Cardim disse:

      Obrigado Airton! recomendo plantar algo maior entre elas – olhe a parte “contato” tem indicações de espécies de maior porte lá.

  3. O planejamento urbano deve ser uma luta de todos, para que tenhamos no futuro a tão sonhada fiação subterânea, e o equilibrio ecológico urbano, com árvores plantadas e cuidadas corretamente.

    Viva DonQuiPoste! Que vem lutando para o fim dos postes nas cidades, para que não conhece, vale a pena ver a luta dele:

    http://donquiposte.blogspot.com/

    • Ricardo Cardim disse:

      Reinaldo, vi o blog e gostei muito! Vou até linkar… abraços

  4. patricia disse:

    olá Ricardo,
    gostaria de saber sua opinião sobre a recente parceria entre a prefeitura de São Paulo e a Eletropaulo para a “poda” das árvores. Não sou grande conhecedora de árvores, mas observando o que tem acontecido com as árvores – que basicamente são “podadas” para liberar o caminho dos fios, fiquei alarmada.
    O que tenho visto por São Paulo são cortes não simétricos, ou seja, uma lado da árvore é total ou parcialmente eliminado (onde os fios passam), enquanto o outro lado não é tocado.
    Não li nada na mídia que aponte um problema, ao contrário, a iniciativa da prefeitura foi celebrada como avanço. Mas não consigo acreditar que este procedimento esteja correto… Me dá a impressão que com o passar do tempo, a árvore vai continuar crescendo, desequilibradamente (principalmente se considerarmos que novas podas serão feitas do lado dos fios).
    Gostaria de saber sua opinião, obrigada.

    • Ricardo Cardim disse:

      Patrícia, a minha opinião é bem clara: a poda das árvores por causa de fios é uma aberração e atentado ao patrimônio público e qualidade de vida população, gerada por uma total falta de investimento por parte destas Cias. por todo o século XX e que ainda continua. Avanço seria enterrarem os fios.
      Ricardo

  5. Adriana disse:

    Em volta da minha piscina tem um corredor de apenas 1 metro. Quero plantar algo para dar vida ao meu quintal.
    O resedá rosa pode trincar as paredes da piscina? Como as raízes se alastram? Ou poderia ser um phoenix que o tronco já tem uns 2 metros de altura ?
    Estou louca p/ adquirir alguma dessas plantas, mas estou insegura, pois não entendo nada do assunto. Help-me, please!

    • Ricardo Cardim disse:

      Adriana, essas espécies são estrangeiras e prejudicam o equilíbrio ecológico… porque ao invés de um resedá não planta uma cabeludinha, araçá ou cambuci, belas arvorezinhas frutíferas da mata atlântica com raízes tranquilas e que ajudam a melhorar a cidade, além de dar frutos deliciosos?
      abs
      Ricardo

  6. Humberto disse:

    Penso a mesma coisa. Por isso ignorei o protesto de uma vizinha e plantei um ipê rosa em frente a minha casa. Mas agora, com o ipê quase tocando os fios da rede elétrica, me preocupo. Pela poda de uma árvore aqui do bairro, o pessoal da Eletropaulo não me pareceu muito capacitado.

    • Ricardo Cardim disse:

      é verdade. mas se a fiação fosse enterrada esses problemas não existiriam, como não existem em cidades mais desenvolvidas nesse item.

  7. Marília disse:

    Ricardo, moro em um prédio e dentro dele e fora dele tem árvores ( médio fora (FIOS) e grande porte dentro). que já racharam as calçadas do condomínio ( tendo risco de derrubarem os muros), já reclamamos na prefeitura e somente foi realizada a poda da árvore da rua. Agora iremos realizar uma benfeitoria e eu gostaria de saber qual árvore devemos plantar na calçada?
    A realização da poda no meu bairro não é constante, muitas vezes os próprios moradores cortam para evitar acidentes com as crianças e com os carros estacionados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s