Urucum nas ruas paulistanas

  

Arbusto nativo da região amazônica, o urucum (Bixa orellana) participa amplamente da alimentação brasileira. A origem do seu nome “ru-ku” em tupi  “vermelho ” explica o seu uso mais difundido – de colorir alimentos – da salsicha ao sorvete.

É relativamente comum encontrarmos essa planta ornamental nas calçadas da Cidade, quase sempre plantados pela população que o aprecia também pelas propriedades medicinais, e faz da rua o seu “quintal” para cultivá-lo.

As populações indígenas se encarregaram de espalhar por diversas regiões do País suas mudas e sementes, que eram levadas acompanhando os movimentos migratórios, sendo hoje  espontâneo em vários locais do Sudeste.

Nas fotos, alguns exemplares plantados no Parque Villa Lobos , onde devido a uma poda de condução, tomou um formato de árvore.

 

 

Ricardo Cardim

Sobre Ricardo Cardim

www.arvoresdesaopaulo.com.br
Esse post foi publicado em Árvores de São Paulo, árvores, frutificação, Parque Villa-Lobos e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Urucum nas ruas paulistanas

  1. dalva disse:

    Bacana, Ricardo. Com certeza muita gente nunca viu um pé de urucum – bastante comum no interior e utilizado nas cozinhas para dar uma corzinha à comida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s