Por que a mania de cortar as folhas da palmeira jerivá?

 

Um costume bastante difundido entre os paisagistas, jardineiros e empresas de manutenção de áreas verdes em São Paulo é o corte das folhas mais “velhas” das palmeiras urbanas, principalmente quando se trata do jerivá (Syagrus romanzoffiana). Se apenas as folhas mortas fossem removidas por motivo de segurança em lugares movimentados, tudo bem. A questão é que geralmente ocorre a mutilação de quase toda a copa da palmeira, desfigurando-a. Nem mesmo as bainhas (base das folhas) e os cachos com flores e frutos são poupados.

Assim como passar cal nos troncos, o ato de “devastar” a copa de palmeiras é de total inutilidade, pois debilita a árvore por diminuir a área de fotossíntese, abre entradas para causadores de doenças, tira alimento da fauna urbana e principalmente traz um aspecto horrível a tão estética palmeira. Quem conhece o jerivá em matas ou no meio rural  sabe a bela aparência que a palmeira adquire quando ninguém a molesta, apresentando uma copa redonda com inúmeras folhas pendentes para todos os lados.

Ricardo Henrique Cardim

 

Palmeira jerivá com folhas completas. Ricardo Cardim

Palmeira jerivá com folhas completas. Ricardo Cardim

Jerivás mutilados. Ricardo Cardim
Jerivás mutilados na cidade de São Paulo. Ricardo Cardim
Anúncios

Sobre Ricardo Cardim

www.arvoresdesaopaulo.com.br
Esse post foi publicado em Árvores de São Paulo, árvore urbana e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

12 respostas para Por que a mania de cortar as folhas da palmeira jerivá?

  1. Marcos disse:

    Dr. Ricardo Henrique Cardim

    Sou Marcos Eduardo Alves, 63 anos, fotógrafo e pesquisador de história, além de desenhista de arquitetura (trabalhei no FUNDUSP – hoje com outro título)
    Estou finalizando um site de nome http://www.belapauliceia.com.br procurando tanto trazer os valores que já tivemos de qualidade de vida entre 1900/1975 como
    também falar da cidade atual; da S.Paulo Economia Mundial…. e aí quero mostrar a flora, a botânica, a fauna se possível.

    Saboreando suas pesquisas sobre as árvores mais comuns, as frutíferas, já saí a campo e fotografei algumas delas, outras já tinha no meu arquivo pessoal.
    Em retribuição à sua gentileza de permitir listar essa sua pesquisa nas minhas páginas, claro que com a dedicatória a você,
    quero lhe presentear com a foto que fiz de um ipê-amarelo, que para mim, simplesmente é o mais bonito que já vi em mais de meio século.
    Tirei essa foto numa fazenda de café em Ibitinga. Estou longe de ter seu conhecimento no assunto, mas, como essa é uma árvore típica
    do cerrado paulista, penso que por isso ela tinha um porte tão grande ( coisa que nunca acontece com os ipês da cidade de S.Paulo )

    Gostaria de saber sua opinião. Posso aproveitar e lhe fazer mais uma pergunta ? Não sei onde tem um pé de pitanga para eu fotografar;
    e preciso saber se nestes dias essa árvore está bem cheia, com frutos? ou não é época.
    Se não for época, você teria uma foto com ela cheia de frutas? e uma foto só da fruta ?

    Desculpe tomar seu tempo, mas é que estou a poucos dias de poder lançar (calculo 10 dias)

    Agradeço de antemão sua gentileza

    Marcos Eduardo Alves

  2. Sergio disse:

    Marcos, concordo com voçê ,essa história da pintar tronco de árvores e palmeiras etc. alem de prejudicar a planta e o meio ambiente,é de extremo mal gosto, BREGA mesmo, deveria ser proibido.

  3. Sergio disse:

    me enganei meu comentário foi pro Ricardo ,e não para o marcos

  4. Rodolfo disse:

    Não é muito difícil entender esse tipo de poda. Toda vez que prefeitura tem que fazer limpeza ou poda, precisa disponibilizar, caminhão, equipamentos e pessoal para isso. E ai, já que vai fazer, já faz um serviço “pra durar” e não precisar voltar tão cedo. Simples. Infelizmente, essa é a idéia de nosso governantes e até mesmo de particulares que preferem “facilitar a vida”, ao invés de fazer um serviço direito.

  5. Cassio Betine disse:

    Olá, estou preocupado em perder a sombra que as palmeiras jerivá proporcionam para meu jardim, pois quanto mais elas crescem, menos sombra tenho. Se cortar o ponteiro central delas, é possível que parem de crescer?

    • Ricardo Cardim disse:

      Cassio,

      se vc fizer isso matará a palmeira e ficará sem sombra nenhuma. porque não planta uma árvore de pequeno porte embaixo deles como a pitanga, araça ou cambuci? terá sombra, passarinhos e frutas.

  6. JOBSON disse:

    Observamos que a maioria das pessoas que “pomdam” não tem conhecimento da técnica, principalmente os profissionais das companhias de energia. Deveriam, contratao empresas especializadas.

  7. Lina Maria C. A Correa disse:

    Olá Pessoal,
    no meu ponto de vista (governantes) tratam a NATUREZA como tratam o POVO:
    Sem nenhuma consideração ou respeito, mas não deixam de descansar sob suas SOMBRAS!!!
    Gde abraço,
    Lina Correa (paisagista)

  8. ana ines pasiani sgarbi disse:

    A natureza é perfeita,nem mesmo poda as plantas aceitam dos homem.
    Quanto menos o homem interferir melhor.

  9. ana ines pasiani sgarbi disse:

    homens

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s