Cenas paulistanas – a árvore adubada com restos de cigarros

ficus-no-bueiroEssa cena retrata bem o verde e a megalópole em que vivemos. Na principal avenida de São Paulo, a Paulista, ao lado da estação Brigadeiro do metrô, uma figueira-lacerdinha (Ficus microcarpa), árvore que pode chegar a vinte metros de altura e dois metros de espessura de tronco, se instalou em meio ao concreto subterrâneo deste respiro da estação. O seu “adubo” resume-se a restos de cigarros atirados pelos pedestres e sujeiras urbanas.

Nativa da Ásia, essa árvore foi muito plantada pela Prefeitura nas décadas de 1930 a 1960, e por produzir pequenos figos que atraem a atenção das aves, são espalhadas por eles nos mais inesperados lugares, como na foto.

Ricardo Henrique Cardim

Sobre Ricardo Cardim

Paisagista e Botânico www.cardimpaisagismo.com.br www.arvoresdesaopaulo.com.br
Esse post foi publicado em Árvores de São Paulo, árvore urbana e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Cenas paulistanas – a árvore adubada com restos de cigarros

  1. Lannes Li disse:

    Bom dia Ricardo.
    Obriagada por ter respondido ao meu email e pela sugestão.

    Fiz uma busca na net, para ver fotos da aroeira e não encontrei, vç poderia me enviar uma foto?

    Posso colaborar com a Associação de alguma forma?

    Um abraço

    Lannes Li

  2. Tatiana disse:

    Ricardo

    Obrigada!

    O link:
    http://tatianameyer.wordpress.com/

    Novamente parabéns pelo blog, tenho aprendido muito com seus textos.

    Um abraço,
    Tatiana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s