Árvores remanescentes da floresta original da Cidade de São Paulo – Copaíba (Copaifera langsdorffi)

Imagens de relíquias vegetais sobreviventes da urbanização paulistana. Em plena Zona Sul de nossa cidade, existem ainda espalhados pelo bairro Granja Julieta, em Santo Amaro, belos exemplares desta árvore tão típica da Mata Atlântica de São Paulo, a Copaíba (Copaifera langsdorffi). Produtora de um óleo reputado como medicinal no interior do cerne, sua madeira é de boa qualidade, outrora muito usada em diversas aplicações. Os frutos possuem no interior uma lustrosa semente preta com um arilo (anexo carnoso)amarelo-vivo inserido, bastante procurado pelos pássaros.

Os exemplares das fotografias ainda conservam seus traços de árvores de mata, provavelmente nascidas quando toda aquela região à beira do Rio Pinheiros era floresta, e testemunharam ao seu redor todo o processo de urbanização.

Ricardo Henrique Cardim

Sobre Ricardo Cardim

www.arvoresdesaopaulo.com.br
Esse post foi publicado em Mata Atlântica e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s