As bromélias, orquídeas e outras epífitas não são parasitas das árvores

 

 

Orquídeas e bromélias vivendo sobre rocha - parasitas?

 Uma lenda muito difundida  mesmo entre aqueles que gostam da natureza é sobre as plantas que vivem nas árvores serem parasitas. Essa ideia  leva a destruição de importantes pedaços da nossa biodiversidade nativa e habitat de muitos animais e insetos, além da diminuição do verde produtor de serviços ambientais para a melhoria de condições de vida e saúde na metrópole. 

Orquídea nativa vivendo em capoeira nas matas paulistanas.

Bromélias da Mata Atlântica vivendo nos galhos das tipuanas do bairro do Butantã.

 As plantas epífitas, como bromélias, orquídeas, imbés, cactos e muitos outros que costumam usar as árvores como mero suporte para obter mais luz, umidade e nutrição, não roubam, de forma alguma, nutrientes  ou água da árvore. As plantas que realmente fazem isso são geralmente na cidade de São Paulo aquelas denomindas “erva-de-passarinho” (Tripodanthus sp. família Loranthaceae) e o cipó-chumbo (Cusucuta racemosa, família Convolvulaceae).

Outra planta bem conhecida e combatida nas ruas da metrópole é a samambaia-graminha, que recobre de verde os troncos e galhos das tipuanas e jacarandás-mimosos, e também é inofensiva para a árvore e benéfica para o meio ambiente. Se somarmos todas as plantas epífitas da cidade, certamente representará parte importante do verde urbano e que devem ser protegidas e valorizadas no paisagismo.  

A epífita samambaia-graminha, que vive na maioria das grandes árvores urbanas paulistanas.

Um belo exemplar de imbé, vivendo nas matas do Colégio Nossa Senhora do Morumbi.

 

Ricardo Cardim

 

 

About these ads

Sobre Ricardo Cardim

www.arvoresdesaopaulo.com.br
Esse post foi publicado em Árvores de São Paulo, Biodiversidade paulistana, bromelias, meio ambiente urbano, orquídeas, tipuana e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

12 respostas para As bromélias, orquídeas e outras epífitas não são parasitas das árvores

  1. Pingback: As bromélias, orquídeas e outras epífitas não são parasitas das árvores « Epífitas

  2. dalva disse:

    Eu amo as epífitas. Quanto às bromélias, Margareth Mee amava mais que eu.

  3. b.a. disse:

    cara, adoro seu blog, seu assunto e produção são ótimos, isso aqui vai virando um repositório mto importante
    continue!

    abraço

  4. Fabio disse:

    excelente matéria Ricardo,
    faltou falar do não sei se, fundamentado ao não, do “preconceito” em relação ás bromélias,
    delas atraírem o inseto da dengue,que as buscam para crescimento das larvas do mosquito.
    Pergunto: isso tem fundamento?
    abraços
    e obrigado pelo Blog
    Fabio

    • Obrigado Fábio. Essa questão da dengue é polêmica. No meu entender existe equilibrio ecologico em locais com bromelias, com sapos e lagartixas, que predam esses mosquitos.

  5. Joel Formiga disse:

    Olá, sou o Frmiga, vio no birro Sumaré, em São Paulo. A Erva de Passarinho é uma prasita ? Ela poe chegar a matar uma árvore ? Tentei intercde contra o corte de 15 árvores na Praça Ricardo Ramos, perto de casa, e eles alegaram infestaçao iremediável por Erva de Passarinho – mesmo em uma espécie que tinha abundância de folhas e até alguns pequeno frutos. Dizem que não há como retirar a praga e que a árvore vai morrer. Prometeram plantar outras, mas até agora, 60 dias, nada.

  6. beatriz disse:

    Não entendo porque dizem que as plantas são as vilãs do mosquito da dengue.
    Será que seria para destruir mais ainda o meio ambiente? Em vez de se prcuparem com bromélias,e outras,cuidem das piscinas que estão a céu aberto,os reservatórios de água.garrafas PTs rolando,cemiterios mal cuidados com vasos borbulhando de larvas etc.
    Não se preocupem tanto com as plantas,Deixem elas crescerem em paz.!
    .

    .

  7. natália disse:

    me ajudou muito obrigada!

  8. Sergio Ulbricht disse:

    Tenho observado que galhos de árvores onde se fixam bromélias apodrecem e caem. Aí fico na dúvida: a planta é parasita ou não?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s